sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Vitória e Goiás vencem e se aproximam do G-4

“Botafogo, Botafogo, Campeão desde 1910”. É o que a torcida gostaria, mas não vem acontecendo desde as boas épocas do Túlio Maravilha. O time começou muito bem o campeonato, brigou pela ponta da tabela a algumas rodadas atrás e ontem perdeu para um concorrente direto na briga pelo G-4, o Vitória da Bahia. Não quero tirar o mérito do Vitória (que venceu por 1 a 0), mas uma equipe que se manteve no topo da tabela por quase 30 rodadas, não pode deixar o barco afundar bem agora e ficar até sem a classificação para a Libertadores.
Mas a saída de Vitinho foi uma perda muito grande para a equipe, que de início achou que seria substituída facilmente por Hyuri, nova promessa da Estrela Solitária. Esse endividamento dos clubes brasileiros faz a torcida apaixonada sofrer, da mesma forma que a torcida do Palmeiras sofreu quando perdeu o goleador Barcos par ao Grêmio, também por motivos financeiros. Não há mais tempo no futebol para criar um grande vínculo com algum jogador do time.

Em outro importante duelo, o Vasco recebeu o Goiás e perdeu o jogo por 2 a 0. Nesse caso eu considero o Goiás mais time em raça, estabilidade e organização. Só devo parabenizar à direção e aos torcedores que mostraram aos comentaristas de TV que nem tudo no futebol é tão previsível, desde que haja empenho e dedicação. Lembro claramente em um dois primeiros jogos desde campeonato (Goiás e Corinthians), disseram que o Goiás iria brigar para não cair e o Corinthians brigaria pelo título. Hoje, faltando 9 rodadas para o final, o Goiás está a 6 pontos do G-4 e o Corinthians a 5 pontos do rebaixamento. E o Corinthians ainda tem muito a agradecer ao Goiás, que venceu o jogo e com isso deixou o Vasco com os mesmos 32 pontos. Uma vitória do Vasco deixaria o Coritiba, que tem 34 pontos, como o primeiro time no rebaixamento, diminuindo a diferença para o Timão e São Paulo em apenas 3 pontos.